Chakra Breating

Chakra são centros de energia localizados ao longo do corpo. Quando você respira conscientemente neles, você os integra. Os chakras podem estar bloqueados ou movendo-se de modo contrário e a respiração ajuda a desbloqueá-los. Esta meditação faz com que sua energia flua melhor.

Mantenha os olhos fechados durante toda a meditação.

Primeiro estágio: 45 minutos
Fique de pé com os pés separados na largura de seus quadris ou ombros. Solte o corpo e relaxe. Feche os olhos e com a boca aberta respire profundamente e no 1º chakra. Enquanto respira, leve sua atenção para a área pélvica do seu corpo, onde o 1º chakra está localizado. Deve ser dada igual importância na inspiração e expiração. Não force a respiração, respire em um ritmo que sinta conforto e se permita estar atento as sensações e sentimentos de cada chakra. Respire para dentro do 1º chakra até ouvir um sino que indica o início da respiração do 2º chakra. Toda vez que ouvir um sino mude a rápida e profunda respiração para o próximo chakra. À proporção que se vai mudando de chakra para chakra sua respiração deve se tornar mais rápida e suave de maneira que você deve estar respirando o dobro no 7º chakra que no 1º.

Enquanto respira, é importante movimentar o corpo, alongar a pelve e movimentar as mãos de maneira a sentir, porém deixe os pés firmes no mesmo lugar.

Permita que os pés, joelhos, quadris, ombros e outras articulações fiquem soltas quando o corpo e a respiração estiverem em movimento, este deve ser contínuo e sem esforço. Permita que a sua consciência permaneça primariamente nas sensações dos chakras, não na respiração ou nos movimentos do corpo.

Depois da respiração do 7º chakra, você irá ouvir três sinos. Este é o sinal que permite sua respiração e consciência mudar e voltar para cada chakra. Enquanto respira permita que a sua respiração se torne mais lenta de chakra para chakra. Permita que a energia flua por ela mesma do 7º chakra em diante para incluir todo o espectro da energia dos chakras, do 1º ao último como sete cores misturando em um arco-íris. Esta queda da respiração deve durar mais ou menos 2 minutos e depende de você quanto tempo você vai dedicar a cada chakra.

Após terminar esta sequência, permaneça em pé e em silêncio por alguns minutos antes de iniciar a próxima. Esta sequência deve se repetir três vezes ou em um total de 45 minutos.

Se você não sentir de início a energia dos seus chakras, respire para dentro da área onde eles estão localizados. Lembre-se de não forçar, permita que respiração e o movimento do corpo seja como uma ponte e carregue você para as sensações e qualidades de energia de cada chakra. Tornar-se sensitivo para as diferentes qualidades que cada chakra não vem por força, mas pela consciência e paciência.

Segundo Estágio: 15 minutos
Silêncio. Após a 3ª sequência de respiração, sente-se relaxado com os olhos fechados e em silêncio. Quando sentar não pense em nada em particular, permaneça como uma testemunha do que está acontecendo e não faça qualquer movimento.

Esta meditação ativa aumenta e harmoniza tua energia.